Atualidades, de nossa querida Açailândia, Maranhão e Brasil.

ZAP NOVO 98442 - 6071

quarta-feira, 19 de setembro de 2018

Açailândia - Policia Militar faz grande apreensão de bens e dinheiro na região do casqueiro


O 26º BPMMA passou a receber denúncias anônimas contantes relacionadas ao crime de tráfico na região do casqueiro (Bairro Laranjeiras), local onde havia uma movimentação intensa de pessoas em uma residência localizada na Rua 15 de Novembro. Ainda segundo informes, os proprietários da casa é um casal conhecido por todos como BAIXINHA e PITOCA e após alguns dias monitorando a área, já na tarde de hoje (18/09/2018), a equipe estava passando pela porta da residência de BAIXINHA, quando avistou um indivíduo de nome MAURO, o qual é usuário contumaz na pratica de pequenos furtos cometidos a fim de manter o vício em drogas e que na ocasião o mesmo estava entregando uma nota em dinheiro diretamente para a dona da residência. Ao serem abordados, MAURO já confessou para a equipe que estava comprando droga no local e diante da confissão, BAIXINHA ficou calada dizendo que estava apenas dando água para ele. Deste modo, foi solicitado que BAIXINHA esvaziasse seus bolsos e quando ela obedeceu, apresentou a equipe alguns pedaços de sacola plástica vazios, mas ainda assim a mesma não tinha foi devidamente revistada pela falta de policiais mulheres no momento da ação. Em seguida, ao ser indagado sobre sua conduta, MAURO relatou apenas que tinha medo de traficante e que não poderia falar muito, enquanto isso, o esposo de BAIXINHA, identificado como NILSON vulgo PITOCA, veio na direção da guarnição e passou a conversar com a mesma, informando que não iria autoriza-los a entrar na residência. Na ocasião PITOCA estava muito alterado, momento em que a equipe observou quando BAIXINHA entrou rapidamente na residência colocou algo em cima da mesa, ocasião em que a filha dela de nome ANAIRA (12) pegou e saiu na direção do quintal. Tudo isso foi possível ser visto por que a porta da casa de BAIXINHA estava aberta e a mesma dá visão direto para a cozinha onde estava a mesa e ao perceber que ANAIRA agido de tal forma, PITOCA disse: NÃO TEM PROBLEMAS, NÃO TEM NADA AQUI, PODEM ENTRAR. Quando a equipe entrou na residência, solicitou que BAIXINHA e PITOCA acompanhassem a ação policial, e cômodos da casa foram todos vistoriados. Na sala da casa foram encontrados 24 pen-drive, três cartões de memória com adaptadores, um notebook STI de cor PRETA e dois aparelhos de jogos PLAY STATION, sendo um completo e outro apenas o cooler (carcaça). Partindo para o quarto, o mesmo foi revistado, local onde foram encontrados nos bolsos de diversas peças de roupas, quantias avulsas em dinheiro, sendo essas em notas de 100, 50,20,10,5 e 2 reais, bem como algumas moedas e toda a quantia encontrada totalizou R$ 2.615,15 (dois mil quinhentos e quinze reais e quinze centavos). Ao ser indagada sobre o dinheiro BAIXINHA disse que parte dele seria proveniente do bolsa família, outra parte doada por sua genitora e outra parte doada por sua cunhada. Ainda dentro do guarda-roupas havia escondido um aparelho de choque recarregável 25.000 KV e um outro aparelho próprio para procura de sinal de satélite e rádio e ao ser indagada sobre os dois aparelhos, BAIXINHA disse que os ganhou, mas não conseguiu comprovar a procedência. Além disso, foram encontrados também dentro do guarda-roupas 07 óculos de sol avulsos e só a partir daí, BAIXINHA e PITOCA começaram a apresentar um comportamento anormal e a todo tempo eles ficaram nervosos. Partindo para a cozinha da residência, foram encontradas 11 caixas de creme dental intactas escondidas de forma separada e ao ser indagado sobre as mesmas, PITOCA relatou que os filhos deles costumavam desperdiçar o produto e por isso ele os tinha em grande quantidade. Ademais, os aparelhos dos ocupantes da casa foram expostos e apresentados a equipe e todos foram apreendidos numa totalidade de seis telefones que a princípio não tinham notas fiscais e ninguém conseguiu indicar a procedência. Vale salientar que dentro de um quarto localizado nos fundos da residência foi encontrado um aparelho tablet de cor branca, sem nota fiscal ou comprovação de procedência e diante dos fatos a equipe passou a vistoriar o quintal da casa, local onde foi encontrado uma porção de substância similar de CRACK, que ao ser pesada totalizou aproximadamente 04g. Por fim, encontrado também um saxofone de cor dourada jogado em cima do telhado de um galinheiro localizado no quintal da referida casa, sendo em seguida apreendido por conta da alta quantidade de furtos ocorridos em entidades religiosas, dentre as quais já havia sido subtraído um saxofone similar ao mesmo apreendido, bem como causou estranheza o local em que ele estava, já que este é de grande valia no mercado. Diante dos fatos, BAIXINHA e PITOCO receberam voz de prisão e foram encaminhados para a delegacia de Açailândia sem lesões corporais.

“26° BATALHÃO DE POLÍCIA MILITAR –      FORÇA E HONRA"


Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

Ads 500x60px

facebookgoogle plus

Pesquisar este blog